O Epílogo do Tênis

Atualizado: 27 de Dez de 2018


As vezes quando eu decido,

Eu

Simplesmente

Exagero!

Vou contar, eu trouxe uma bolsa e um tênis.

Um

Vou falar dos dois pra dar um!

Um passado,

Depois um amarelo

Pra dar um futuro

Um

Mas esse sol, eu que escolhi :)

E eu que fiz!

Enfim... 2 fins

No começo eu amei,

Não machucava

Á prova de chuva

Macio

Pés e ombros felizes

Meu corpinho todo feliz

Meus cadernos e dedos em segurança 

Foram quilôoooooometros rodados

Com um

Aí então, um esgarçado 

Droga!

Um furo, nos dois agora

Um em cada

E o pior é que foi logo no começo 

Porcaria!

Eu costurei

Aí aí um sapateiro! Boa ideia

Coloquei couro, pra garantir

Mas eles passavam a perna em si mesmos, 

Cadarços e alças 

Constantemente...

Eu? Remendava

E a marca de sol que me deixaram? 

Meses no mesmo lugar...

Aí aí nem vou comentar...

Eu às vezes simplesmente exagero...

Muito eu em mim mesma

Depois,

No tênis meu dedinho queria escapar

Nos dois pés! Foi um, depois o outro.

Terrível

20 crianças rebeldes... Das mãos e dos pés 

Ás vezes eu simplesmente não dou conta 

Superbonder neles!

Xiblauuu

Costurei em linha verde, marrom, preto, azul e rosa

De tantas vezes

Aí eu precisei escolher demais

O que levar...?

Onde ir...? 

Quantas horas...?

Distâncias...?

Muito... Pouco... Eu pensei!

E então começaram a machucar, manchar

O ombro

Os cadernos

Os lápis

As meias

E enfim...os dedos

Então decidi que metade deveria ir

Foi a bolsa primeiro, eu troquei 

A mesma, mas nova

Impermeável, eu gosto

Deixa sem deixar, forte!

Ganhei de presente :)

Resolvi tratar com mais cuidado

Pra garantir, certo?

Depois esqueci

Gosto, mas sei lá 

Sem apego agora

Penso que assim é mais normal

Espiritual

Mas o tênis... ainda tá aqui

Pra quê?

Se eu gosto mais do pé na grama, não tênis no chão...?

É que não dá muito bem pra ver os remendos 

Só se chegar bem perto

E eu tenho chegado muitooo perto agora

Porque simplesmente não o deixo?

Eu não gosto de tênis 

Eu seeeeempre repito

Não vou usar, pra que comprar!?

A vida toda eu sempre repeti

Aí descobri 

Que eu amoooooooooooo

Só que tem que ser bem diferente 

Por isso arrumei o amarelo 

Cor de sol

Eu que fiz :)

Fiquei orgulhosa! Brava!!

Mas mesmo em metade

Ainda não posso deixá-lo

Lembra meu Lar

Lembra que eu mudei

Lembra de deixar todo um passado

Pra trás 

Lembra de um lindo caminho novo

Lembra de uma história 

Um jardim

Uma calçada

Uma viagem, várias

Alguns sonhos

Me lembra doces passos

Então eu ainda guardo

Ainda ponho 

As vezes mesmo se não combina

Porque é confortável 

( que terrível)

“Conformável”

Ainda não consigo deixar

Então pensei

Se eu aprender que não preciso exagerar

Posso usar isso na minha missão 

Sim sim, nessa metade ainda estou tentando me enganar

É que ainda não posso passar!

É que nesse caminho ainda estou começando a andar

E eu gosto é de correr

Então resolvi não parar

Pra tirar

Talvez pra ficar um pouquinho mais

Segura?

Ou conhecido?

Nunca precisei disso

Quem eu quero enganar? 

Eu? Há!

Muuuito eu em mim mesma

Então, sei lá 

Como não sei,

Só deixei...

Masssss ontem, já molhei na chuva

E era água suja

De cidade grande, 

Londres! Foi inundação 

E... guardei na mochila

Não usei no avião 

Que rebelde!

Estou largando pra lá 

Hoje larguei na janela

Pra ver secar

Ebaaa

Estou orgulhosa!

Eeee resolvi dar uma chance pro novo 

O Amarelooooo!

Uhhhh uh uhh

E o melhor:

Que não aperta

Não prende

Não amarra

Respira

Não pira

Se eu solto o pé, faz barulho

E eu solto...

Não tem (a)traz (sim com z, de trazer)

Um passo de cada vez

Aí, até eu afrouxei,

Comigo mesma :)

E eu gostei

Eu gosto

De tudo eu

Entaaaaaao...

Novos passos

De novas chances!

Achei o texto um pouco vulgar

Mas vou deixar

Porqueeeeee

Não quero exagerar em dosar,

Sem exageros

Não aos extremos!!

Bem, só as vezes...

Quero só ver,

Vamos ver,

Vamos nos ver?

Sim! Quero ver ;)

 textos... 

Nailê Rabelo Atelier

aquarelas|sketches|textos|eventos

Jundiaí - São Paulo - Brasil

11 2434 1922   /    11 9 5302 0252 

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest

© 2019 por Nailê

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest