IluminaSol

Atualizado: 27 de Dez de 2018


Ás vezes eu me visto de sol

E não precisa ser dia,

É a luz que reluz

Quando permito que passe através de mim

Então eu sou.

.

Eu retiro o véu que cobre a verdade

Bruscamente,

Docemente,

É então, e só então que todo real aparece

E eu me torno espectadora de todos os milagres

Sou parte eles

Eles, parte minha

Vejo cada um dos seus detalhes

A forma em beleza.

.

Tudo o que eu toco vira ouro

Pureza que não acaba mais

Mas é como segurar água em minhas mãos

Ainda vem e esvai.

.

Logo chegará o dia

E eu vou saber

Porque há muito espero

Há muito busco

Mas agora eu sei

Não é merecer

É permitir

Confiar em desconhecer

É ‘descobrir’

Acreditar (-se)

Não há dor,

Não tema,

Que quando você for verdade,

Vai reconhecer que só há amor

.

-Minha filosofia-

 textos... 

Nailê Rabelo Atelier

aquarelas|sketches|textos|eventos

Jundiaí - São Paulo - Brasil

11 2434 1922   /    11 9 5302 0252 

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest

© 2019 por Nailê

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest