Fractal

Atualizado: 27 de Dez de 2018


Olá sou

Fractal!

Prazer

Conhecido como

Caos!

Aquele que você não me vê

Até q descobre que você eu existo

Eu sou a desordem

Loucura

A Invisível

Tortura

Da incompreensão

Porque sou estranho

Mas só até você me reconhecer

Sou um tesouro

A ser desvendado

Minha outra

Face é a verdade

Minha fase

Ordenado

Certo

Responsável

Sei exatamente

Onde

Floresço

Cresço

Mas é minha própria

Por isso é tão difícil de ver

Entender.

Um dia

Eu cai da cesta

Fui chamado de marcos

Pedrinhas que cai

Deixados de uma rainha por aí

Ela dizia q marcava caminho

De tristes vitórias

Porque sempre no começo

Fui lamentável dissabor

Pesar

Incompreendido

Peso

Queria me marcar

Pra tentar

Cicatrizar

Por ser ignorância

Sou erroneamente

Usado cm mistério

Mas só,

Sou apenas insciência..

Gosto quando ela me chama

De “Ainda não”

Significa q estou indo

Acho ”Criaativo”

Gostei que ela decidiu me ver

Me amou

Diz que a(s)cendeu seus

Fogos de artifício

Aí dançamos olhando os céus

Porque me viu

Descobriu-se

Reconheceu

Que cada uma sou eu

É ela

Sou nela

Sou dela

Depois de lavado

Sou todas as cores

Formatos

Cantos

Odores

Sabores

Texturas

Brilho

Reluzo

Sou Suas Lições

Emoções

Emocionais

De sentimentos

Emocionantes

Emotivas

Sentidas

Descobertas

Desvendadas

Compreendidas

E como ela acredita,

Sou sua verdade

Pedacinhos de amor

Ainda não transformados

Mas sou sim,

Sou a luz

Mesmo enquanto decida

Escuro

Basta querer me ver

Desejar

Me encontrar

Aí Permito

Apareço

Apareci

Quando ela pediu:

Despontar! Despontar!

“Revele pra mim eu peço

A verdade suplico”

Chovia chovia

De dor ainda

De não saber

Inadmitido

Mas como foi de coração

Admitido

Deixei que ela me visse

Reluzi

Assim que fiz sol

Floresci

Agora ela me vê em tudo

Costuma cantar metida

Até o pescoço:

Eu procuro lições

Eu caço, acho

Encontro

Em outros

Encontros

Contos

Aqui

Em mim

Farejo

Analiso

Reconheço

Conheço

Aceito e passo pra frente

Vêm de todos os lados

Aí eu aplico

Explico

Construo das pedras castelos

Pra mim

Pra nós

Eu e meu fractal

Agora sou o preferido

Por isso que ela gosta tanto de

Plantas

Céu

Natureza

Muitos

Tantos

Montes

Segredos

Mistérios

Conhecimentos

Descobrimentos

Desvendados

Partículas

Fragmentos

Caçados

Colhidos(colheres)

Pedacinhos

De detalhes

Somos

Fractais

Ordenados

Em caos

Sou ela

Sou dela

Sou nela

Caótica ela

 textos... 

Nailê Rabelo Atelier

aquarelas|sketches|textos|eventos

Jundiaí - São Paulo - Brasil

11 2434 1922   /    11 9 5302 0252 

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest

© 2019 por Nailê

  • Facebook
  • Instagram
  • Pinterest